Contemporâneo

Dança contemporânea é o nome dado para uma determinada forma de dança de concerto do século 20. Mais que uma técnica específica a dança contemporânea é uma coleção de sistemas e métodos desenvolvidos da dança moderna e pós-moderna. O desenvolvimento da dança contemporânea foi paralelo, mas separadamente do desenvolvimento da New Dance na Inglaterra. Distinções podem ser feitas entre a dança contemporânea Americana, Canadense e Européia.

Enquanto a dança moderna modificou drasticamente as "posições-base" do balé clássico, além de tirar as sapatilhas das dançarinas e parar de controlar seu peso e mantém, no entanto, a estrutura do balé, fazendo uso de diagonais e, digamos assim, dança conjunta, a dança contemporânea busca uma ruptura total com o balé, chegando, às vezes, até mesmo a deixar de lado a estética: o que importa é a transmissão de sentimentos, idéias e etc. Solos de improvisação são bastante freqüentes. A composição de uma trilha para um espetáculo de dança contemporânea implica em diversos outros fatores além da própria composição musical.

Com raízes na dança moderna de Martha Graham, a dança contemporânea surgiu na década de 60 como uma forma de protesto ou rompimento com a cultura clássica. Alguns dos expoentes do seu início são Merce Cunningham, Twyla Tarp, Débora Hay, Meredith Monk e Trisha Brown. No Brasil, um dos destaques da década atual é a bailarina e coreógrafa Ana Andréa, do Rio de Janeiro.

Depois de um período de intensas inovações e experimentações que muitas vezes beiravam a total desconstrução da arte finalmente - na década de 1980 - a dança contemporânea começou a se definir desenvolvendo uma linguagem própria embora algumas vezes faça referência ao balet clássico.

Durante a década de 1990 a dança contemporânea alcançou a maturidade e atualmente há diversas companhias e circuitos mundiais de dança contemporânea como o Ciudades que Danzan. A dança contemporânea não possui uma técnica única estabelecida.


A Espaço Dança oferece o curso de Contemporâneo
para o público juvenil e adulto.

<<<página inicial>>>